Deficiência intelectual

  • Deficiência mental: funcionamento intelectual significativamente inferior à média, com manifestação antes dos dezoito anos e limitações associadas a duas ou mais áreas de habilidades adaptativas, tais como:

1.comunicação;

2.cuidado pessoal;

3.habilidades sociais;

4.utilização dos recursos
da comunidade;

5.saúde e segurança;

6.habilidades acadêmicas;

7.lazer; e

8.trabalho;

  • Definição expressa no Decreto 5.296 (BRASIL, 2004)
  • Incapacidade caracterizada por importantes limitações

–no funcionamento intelectual

–no comportamento adaptativo

–expresso nas habilidades adaptativas conceituais, sociais e práticas

  • Tem início antes dos 18 anos de idade
    (AAMR, 2002 apud Samico, 2013)
  • Definição adotada pela
    American Association on Intellectual and Developmental Disabilities (AAIDD),
    antiga American Association on Mental Retardation (AAMR)
  • “… é mais apropriado o termo intelectual por referir-se ao funcionamento do intelecto especificamente e não ao funcionamento da mente como um todo.” (SASSAKI, 2005)

Hipóteses para aplicação da definição da AAIDD

1.As limitações no funcionamento atual devem ser consideradas dentro do contexto dos ambientes da comunidade característicos das pessoas da faixa etária e da mesma cultura do indivíduo;

2.A avaliação válida considera a diversidade cultural e linguística, e também as diferenças na comunicação, nos fatores sensoriais, motores e comportamentais;

3.Em cada indivíduo, as limitações coexistem com as potencialidades;

4.Um propósito importante ao descrever as limitações é o de desenvolver um perfil aos apoios necessários;

5.Com os apoios personalizados apropriados durante um determinado período de tempo, o funcionamento da vida da pessoa em geral melhora. (AAMR, 2002 APUD SAMICO, 2013)